Vivace | Como funciona a vasectomia?
Avalie este post

 

A vasectomia é um procedimento contraceptivo que tem como objetivo evitar uma possível gravidez. Trata-se de uma cirurgia simples, que interrompe a circulação dos espermatozoides. É considerado por especialistas como um procedimento bastante seguro, mesmo tratando-se de uma região considerada sensível, o que costuma causar nos homens preocupações sobre o futuro da vida sexual masculina e a possibilidade real de gravidez depois da cirurgia.

O homem que optar por fazer a cirurgia continuará com uma vida sexual normal, mas se tornará infértil e não poderá mais ter filhos. Apesar da vasectomia ser reversível, é preciso pensar bem na decisão e conversar com um médico a respeito do procedimento.

Para desmistificar o procedimento, tiramos algumas dúvidas no infográfico abaixo. Confira!

Como funciona a vasectomia? | Infográfico

Gostou? Então compartilhe!

Leia o conteúdo do infográfico transcrito

Como funciona a vasectomia?

Órgão reprodutor masculino:

    • Vesícula seminal
    • Canal deferente
    • Bexiga
    • Próstata
    • Uretra
    • Pênis
    • Orifício urogenital
    • Testículo
    • Escroto

Vasectomia

Consiste no bloqueio dos ductos deferentes para interromper o fluxo de espermatozoides. Após a vasectomia, a ejaculação continua normal, mas passa a ocorrer sem a presença de espermatozoides.

Canais deferentes

Os canais ou ductos deferentes têm a função de armazenar os espermatozoides e transportá-los em direção à uretra.

Vesícula seminal

Espécie de bolsa que abriga os espermatozoides amadurecidos até o momento da ejaculação. Dentro dela, é produzido um fluido que envolve os espermatozoides e se mistura com outros líquidos originários da próstata. Esses fluidos formam o sêmen, que depois será projetado através da uretra.

Como é feita a cirurgia?

É feita a assepsia da área e a aplicação da anestesia nos testículos. O médico realiza um pequeno corte no saco escrotal para expor o ducto deferente, que leva os espermatozoides à uretra.

Um segmento de até dois centímetros do canal é cortado. As pontas são ligadas e cauterizadas. Depois de se recolocar o ducto deferente no escroto, a pele é fechada com pontos.

Vasectomia é reversível?

A vasectomia pode ser reversível, mas o sucesso da cirurgia de reversão depende de cada caso e pode variar muito. Por exemplo, as chances de sucesso com a reversão num homem que fez vasectomia há mais de 5 anos são bem menores do que se ele tivesse feito a cirurgia há 2 anos.

Related Post

Write a comment:

*

Your email address will not be published.

2014 © Copyright - Vivace.Todos os direitos Reservados