homem fértil, sem varicocele
Avalie este post

O primeiro passo para prevenir uma doença é saber que ela existe e como ela pode se manifestar e quais são seus sintomas. A varicocele se configura como uma dilatação das veias do saco escrotal, que contém os testículos e que fica abaixo do pênis. Popularmente falando, é como se fossem varizes, similar às que podem ser encontradas nas pernas.
A doença é causada por um mau funcionamento nas válvulas das veias do cordão espermático, evitando que a circulação seja contínua e fluente. O problema maior é devido à falta de sintomas da doença que raramente manifesta dor. A doença se manifesta com maior frequência na puberdade e ainda há grande corrente entre os estudiosos que o excesso de peso também contribui.

A varicocele é a principal causa de infertilidade entre os homens

A palavra “infertilidade” por si só já assusta quem ouve, mas quando se associa a uma doença é ainda mais delicado. Seu desenvolvimento é lento e pode, de fato, prejudicar na fertilidade dos homens. Ela altera a produção de espermatozoides devido ao represamento do sangue que causa liberação de toxinas nocivas à produção. Além dessa causa, o aumento da temperatura da bolsa escrotal, pelo menos motivo, faz com que os testículos produzam menos espermatozoides. A temperatura da bolsa escrotal deve ser de 1,5 a 2 graus mais fria que o resto do corpo, isso explica sua natureza externa.

Como é feito o exame que diagnostica

Para saber se você tem a varicocele ou não, é fundamental passar numa clínica urológica no Rio de Janeiro e procurar um especialista. O exame é feito com o paciente de pé, em um ambiente não muito frio, ao qual ele é solicitado a assoprar com força para ressaltar as veias da bolsa escrota. O diagnóstico precoce é fundamental para que o homem não tenha quaisquer problemas na fertilidade.

Write a comment:

*

Your email address will not be published.

2014 © Copyright - Vivace.Todos os direitos Reservados